23.9.04

Lembrança

Penso em ti e logo existo!
Mesmo ausente,
O teu corpo é meu.
E tento transformar a dor em esperança...
mas... saudade não é lembrança...
e muito me lembra o corpo que é teu!

5 comentários:

Anónimo disse...

Lembra mesmo?
Martinha

alguém disse...

Com simplicidade os sentimentos são expressos em toda a sua grandeza...

Pessoalmente, este é o teu melhor texto!

Abraço

Paulo Ferreira disse...

E a dor acaba por sempre ficar...

HM disse...

É complicado, é ;)

Ritinha disse...

Lindo.
E sabes? É engraçado ver-mos que, na nossa solidão, não estamos sozinhos.