10.3.05

Farto

AJUDEM-ME!
Por favor, ajudem-me!
Alguém chegue e me dê a mão, me traga um sorriso...
me transmita paz.
Estou cansado, sozinho... quase morto...
Alguém chegue e tome o meu lugar,
e me toque no ombro enquanto parto!
alguém venha... alguém me ajude...
POR FAVOR!
Estou farto...

28 comentários:

Caliope disse...

O que está no exterior não te pode aquecer a alma. A tua paz está dentro de ti...
Apesar de tudo deixo-te:
Um sorriso :-)
Um beijinho (schuacck)
Um xi-coração (do fundo do coração)

Andreia disse...

Deixa esse vazio do coração, não aprendas a sentir a dor, a estar sufocado...
Não voltes aí, não sofras assim.

Não é o toque de alguém que te fará estremecer, mas daquele significante ninguém que vela por ti, de olhos fechados, num abraço apertado. É a noite que o traz, é o compasso que o embala e é esse ninguém que te dá paz quando, deitado, consegues fechar os olhos e esquecer por momentos o grito do silêncio que anda em ti.

Beijo do tamanho que precisares...*

mood disse...

Pudesse eu mostrar-te quanta vida existe para lá desse teu cansaço.
...dessa tua solidão.
Trazia-a inteira na mão
para dá-la a ti...
para confortar o teu coração.
Mas por não poder
Ficam apenas as mãos
um abraço firme e quente
e uns quantos sorrisos.
São teus
quando precisares de alguém.
Mas isso tu já sabes não é miguinho? ;)
Quero muito ver-te bem...
Bjo grande

paula. disse...

sandrito, então?!?
anda alguma coisa na água ='(
olha posso ficar aqui sentada ao pé de ti?
é que sempre podemos pregar umas partidas aos transeuntes e assim rir um pouco...
(hummm nice try huh?)

beijokitas
paula.
reciprocidades.blogspot.com

Xana disse...

Um sorriso :D e um abraço bem apertado. Pensa no que tens de bom... são as pequenas coisas que nos fazem levantar e enfrentar o dia. Vais ver que vale a pena!

Bjo

Apenas, o cidadão disse...

É sempre bom esvaziar a alma. Grita e explode. Depois do cansaço a energia volta.

Olhe como surgem as nuvens. Leia novamente a frase que escolheu para o seu blog.

Para reflectir:

Quem não dispõe de reservas em si próprio, é assaltado pelo aborrecimento que o espreita e em breve o dominará

Alain

Chega sempre a hora em que não basta apenas protestar: após a filosofia, a acção é indispensável

Victo Hugo "Os Miseráveis"

Ritinha disse...

Meu querido Sandro...
É só mais um dia, mais um suspiro, mais uma respiração.
Nesta nossa morte, cada dia a mais é uma vitória.
Beijo grande.
Qualquer coisa estou aqui, sabes disso... e ainda te devo um café.

CAP disse...

:)

Sandro disse...

caliope: Obrigada, Deixaste tudo o que precisava.
Beijo

a_gata: infelizmente não aprendemos a sentir dor... por isso é que dói sempre. Porque ela vem, e nunca aprendemos a lidar com ela.
Mas que venha esse alguém...
Beijo bom

mood: muito obrigada. gostei das tuas palavras. e preciso sempre se alguém...
Beijo

paula: claro que podes ficar sentada ao pé de mim, mas não acendas a luz. beijo

Sandro disse...

xana: Vale a pena de certeza... o pior são estes momentos. mas passam...

apenas, o cidadão: Obrigada pelas tuas palavras, gostei.
e sim... a acção é indespensável.
Abraço

Sandro disse...

ritinha: é mais um suspiro, quando quase não tenho mais fôlego...
E sim... ainda me deves um café.
;-)
Beijo

cap: :-)???

anacanela disse...

gosto desses gritos, desses suspiros, desses espriguiçares de alma, porque às vezes acontece sem aviso a falta de fôlego que é preciso...farta-te à vontade mas renasce mais vezes ainda*
respira fundo, ao fundo de ti, onde ninguem te sufoca porque aí tens ar que chegue até para voar!
abraço

Catarina disse...

Olá! Nem sei bem como cheguei ao teu blog, mas gostei, apesar de ver que andas em baixo! Por isso, deixo-te um beijinho e um Xi apertadinho! Espero que sirva para alguma coisa. Também ando como tu! Percebo-te bem!

CA disse...

Aqui tens a minha mão.
Aqui tens o meu sorriso :-)
Beijo.

Sandro disse...

anacanela: este ir ao fundo de mim é mesmo para ressurgir mais forte, de alma lavada. beijo

catarina: ainda bem que chegaste, ainda bem que gostaste. Mas andares como eu é que não... Um beijo

ca: Aqui tens também tudo de mim, se precisares.
Beijo

Nilson Barcelli disse...

Caro Sandro.
Ninguém te pode ajudar.
Ou antes, eu posso: A ajuda que procuras só a poderás encontrar dentro de ti.
A menos que seja material, emprego...
Abraço.

CAP disse...

Sandro, sim:

:-)

Um abraço.

Sandro disse...

Nilson: não é nada material não. E está dentro de mim sim, mas também está no que os outros me dão.
Abraço

CAP: Um sorriso, e um abraço...
Obrigada.

Gaivota disse...

E apetece deixar esta casca a que chamamos corpo para tras, abandonar tudo o que é mortal...

Um beijo cheio de força Sandro, uma força que nao tenho, mas juntos somos fortes.

Um abraço

H. disse...

se não te posso aconselhar nem confortar - pois encontro-me mergulhada num sentimento semelhante - pelo menos digo-te através desta rede estranha ... que te compreendo *

H. disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Vera Cymbron disse...

Tenho algo lá em casa que quero que aceites como para ti...é pouco, mas espero que te faça sorrir!
Jinhos e força, muita.

Sandro disse...

gaivota: juntos somos muitos. Beijo

lost in space: obrigada pela compreensão. Um beijo

Sandro disse...

bleu: como te disse lá em casa, adorei.
Beijo grande

Gotinha disse...

Então, pá?!?
Já estás mais animado??!

Anónimo disse...

ainda que me sinta assim mts vezes e tb n saiba o k fazer, digo-te que a ajuda começa por ti proprio... Abraço!

Anónimo disse...

ainda que me sinta assim mts vezes e tb n saiba o k fazer, digo-te que a ajuda começa por ti proprio... Abraço!
http://oblogdorapaz.blogs.sapo.pt

Sandro disse...

gotinha: os meus dias são diferentes das minhas noites. Sim, estou mais animado.
Beijo grande

rapaz: tens toda a razão. Mas sabes como é... faz o que eu digo, não o que eu faço, não é?