6.10.06

Poesia...



poesia é o amor puro...

poesia é um beijo dado à chuva...

poesia é um dar as mãos sem sequer se perceber...

é um olhar de esguelha a espreitar-te do meu lado...

poesia é um silêncio que não assusta, que não incomoda...

poesia é um olhar cúmplice, um toque subtil...

poesia é um cheiro que se quer... mais e mais...

poesia é um estar onde estou, e onde estou estás bem...

... poesia é complicar... simplificar... somar e dividir...

poesia são os nadas cheios de tudo...

poesia é um sorriso que nos cativa, que nos alimenta a alma...

poesia?...

poesia é amar... amar... amar...

...

Poesia és TU!




Em resposta a

  • Ti

  • dedicado a Ti...




    9 comentários:

    happiness...moreorless disse...

    é muito bom estar assim apaixonado...

    um beijinho
    bom fim de semana

    Sandro disse...

    Apaixonado?!...
    :)
    Um beijo, bom fim-de-semana!

    Gaivota disse...

    E poesia é cantar de vez em quando... E chorar quando é preciso!

    Quem melhor que tu para falar de poesia? (ok... aqueles milhoes de poetas conhecidos ;) )

    Um beijo*

    Saramar disse...

    Poeta, como está certo!

    O amor é pura poesia, o amor é o ninho da poesia.
    A poesia só se faz com amor.

    Lindos versos, lindas definições.

    beijos e bom domingo.

    Mikado disse...

    Comoveu-me teres-me dedicado um post, as tuas palavras comovem-me sempre porque são belas, sentidas, amigas, apaixonadas…e respondeste-me mas também sabes que sou melodramática e gosto da tragédia, por isso escrevo intensamente, embora na maior parte das vezes não sinta tão intensamente como escrevo!
    Mas por momentos, fizeste-me sentir poesia, obrigada meu amigo.

    Susana

    Sandro disse...

    gaivota: Quem melhor que eu?!
    Tantos, mas tantos... Eu acho que por vezes até falo à toa! :)
    Um beijo

    saramar: O amor é o ninho da poesia sim.. porque mesmo quando a poesia é triste, é o amor, ou falta dele, que influencia. na minha opinião, claro.

    mikado: comoção boba então... Já te disse, que não és melodramática, nem medrosa, nem gostas da tragédia. Estás à procura, como muitos outros. Ninguém disse que o verdadeiro amor tinha de estar logo ali ao virar da esquina.
    ... e por vezes está, e nós não vemos!
    Um beijo

    anacanela disse...

    poesia é mesmo isso tudo! poesia consegue mesmo ser tudo ! uma vez que entra...que temos a sorte de ela nos visistar ...é tudo por nada! gostei da poesia a existir em cada definição ao teu pormenor e ao redor da vida de todos nós...sinto a poesia assim assado...parecida com a desse lado:) um abraço e deixa sempre a poesia entrar em ti...ficas de alma enorme! e dedicas posts! e ficas um mimo! :)

    Sandro disse...

    anacanela: é tudo por nada mesmo... quem não tem nada a perder, tem de saber que pode arriscar tudo! um beijo..

    Xein disse...

    Que bom que é voltar aqui, ler o que escrever e ver que andas tão lcontente! :)


    Sente-te!