4.10.06

Insónias às 04:04 da manhã

Por vezes perco-me, e um beijo é um sonho, e um sonho um mundo... totalmente à parte!
E se te vejo, pergunto-me "Como"?
...
Como me fugiu o melhor que há?
Como se apagou o fogo, e se deixou domar a paixão?
... às vezes...
...quando te vejo...
roubo-te os lábios e beijo-te num sonho...
e sou feliz... só mais uma vez!

7 comentários:

Mikado disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Mikado disse...

Os sonhos são a aproximação mais real das nossas fantasias, nos sonhos até sentimos o sabor do lábio e acordamos com a nuca húmida. E roubamos beijos a quem já não quer os nossos beijos e acendemos paixões a quem já se desapaixonou por nós e, por momentos, o exacto momento que dura um sonho, voltamos ao que éramos!

Teresa disse...

Gostei... tanto!
Quis apenas que soubesses :)

Joana disse...

Bendita insónia...

:-)

karvoeiro disse...

se ao menos a insónia fosse uma mulher! lol

Anónimo disse...

E...
tantas vezes perco-me no sonho de um beijo, daquele que rompe o luar, ilumina a nudez da luz, ecoa o soar do vento....
aquele beijo que não tive, e que nunca saberei se terei...
Porém é o caminho desse beijo de sonho, aquele que nem sei se terei,
que trai o tempo,
que movimenta a realidade,
que faz nenhuma a tua ausência, que faz com que os meus gritos apaguem os abismos,
que faz com que as minhas lagrimas se entrelacem com as maos da força,
que faz com que as estrelas te desenhem,
que faz com que o nascer do sol sussure no meu ouvido o teu nome.
E....
é o sonho desse beijo que caminha comigo nestas praias do destino....
e assim será o amanhã
no qual eu entrarei a sonhar...

sandro parabéns pl tua poesia que tanto nos faz sonhar.
bjs gds navais e santificados desta tua amiga filipa

Sandro disse...

Filipa: afinal a menina não é só salas de tribunal e processos penosos e complicados. Ela escreve... e bem!
Gostei. um beijo