16.5.05

A ti...

O que é isto?
Este sentimento imenso que me assombra e me faz sonhar?
Esta vontade imensa de te ter sempre aqui, de ser teu, de estar contigo...
Faz agora um mês que estamos juntos...
Mais de 3 anos desde que te vi pela primeira vez...
Amo-te!
A simplicidade com que o digo é o espelho da felicidade com que me tomaste.
AMO-TE!
AMO-TE
...
Sinto uma magia enorme no ar quando estamos juntos...
Todos os meus pensamentos me fogem quando estou contigo.
Apenas te sinto a ti... em mim...
Apenas quando me dizes que tens de ir me sinto acordar, e vejo o chão debaixo de mim falhar-me os passos...
Fico fraco... quase sem vida.
No último beijo uma vontade enorme de te impedir de partires assombra-me o coração...
Saber o quanto te amo e ter medo de nem to conseguir mostrar.
Mas no beijo vês isso...
No modo como olho para ti... na forma como te toco...
Na exuberância de uma tarde, descobri em mim algo adormecido.
Algo que julgava já nem fazer sentido.
Mas enganava-me...
Amo-te como me é possível, de corpo, alma, e com todo o sentimento do mundo.
Amo-te porque tens o meu beijo...
Amo-te porque partem contigo os meus olhos...
Amo-te porque sem ti as minhas mãos ficam orfãs do teu corpo...
Amo-te porque...
...
porque te AMO!

18 comentários:

Guida disse...

amar só porque o corpo se arrepia, ou porque as mãos secam sem ele. só para partilhar um braço e um sorriso diferente, amar quando um beijo chega.

obrigada pelas visitas tao boas ;)

Vera Cymbron disse...

Gostei da parte das mãos orfãs...lindo!
Jinho

Lana disse...

é...quando se ama, ama-se simplesmente pk sim.. :)

Marta disse...

Qunado o sentimento é assim nem precisa de explicação, vÊ-se e sente-se. Beijo

Mikado disse...

O amor não tem espaço para porquês, não somos nós que escolhemos o amor, é ele que nos escolhe e simplesmente porque sim, como diz a lana, ama, ama, ama até onde o amor não poder mais!!!

CA disse...

Amar vale a pena.
Ainda bem que estás bem.
Beijo.

Anónimo disse...

"Há sempre algum arrepio escondido nos meus armários de transparentes
e há ainda saudades de desejos guardados em baús azulados,
de luzes brilhantes, viajantes...em meus porões internos
Há sempre algum arrepio escondido nos meus armários de transparentes
Em camuflados desejos… bebidos em cálices de vinhos do Douro"
Beijinho Grande
www.lbutterfly.blogs.sapo.pt

Andreia disse...

Lindo...
é tão bom saber-te assim :)
é tão bom amar assim.

Ritinha disse...

Que bom Sandro. Que bom.

H. disse...

:)

fiquei feliz por toi :)

Dora disse...

Um verdadeiro tratado de amor, o teu texto! Continuação de uma boa semana para ti :-)

Hrrada disse...

Fizeste-me lembrar Pessoa...

"Amo como o amor ama!
Não sei razão pra amar-te mais que amar-te.
Que queres que te diga mais que te amo,
Se o que quero dizer é que te amo?
(...)
Quando de amei-te já muito antes,
Tornei a acahar-te quando te encontrei. (...)"

Fernando Pessoa in A Falência do prazer e do Amor

Quanto ao texto.. Lindo :)*

Xana disse...

É tão bom amar assim!!

Sandro disse...

guida: amar... só por amar...
não agradeças algo que dá tanto prazer.
Um beijo

vera: obrigada linda.
Beijo

lana: siplesmente porque sim...

susanat: e mesmo quando parecer que o amor não pode mais... amo mais e mais ainda!
Beijo

Sandro disse...

marta: e é possivel explicar um sentimento destes?
beijo

ca: estou... muito bem.
Um beijo

lbutterfly: muito bonito. gostei...
beijo grande

a_gata: é bom amar assim... e ser amado assim é optimo... :)

Sandro disse...

ritinha: muito bom Ritinha..

lost in space: obrigada. beijo bom

dora: tão verdadeiro como o sentimento em si.. :-)
beijo

hrrada: gosto muito desse trecho de Pessoa. gostei que gostasses do do texto :)
beijo

xana: amar e ser amado...

mood disse...

'Amo porque'..porque sim, não é amigo? Não há como explicar os 'porquês'! Mas explicar o 'como'...nisso tu és único e especial. Percebo a sensação do chão a fugir, a angústia perante as despedidas. O amor é essa coisa imensa que nos deixa atordoados com a tal sensação "O que é isto?..(...)Amo-te...porque te amo"..dá vontade de dizer..bolas! o que dizer mais, não é?
Beijo enorme Sandro

Gaivota disse...

Dava me jeito ter essa capacidade para dizer AMO TE assim. Falta-me o talento vocal, ou talvez o sentimento...